13/07/2017

Site, Fan Page e Timeline, entenda e transforme o uso em resultados positivos

Site, Fan Page e Timeline, entenda e transforme o uso em resultados positivos

Ao longo dos anos trabalhando com marketing digital e principalmente com o gerenciamento de redes sociais. Identificamos algumas dúvidas que são comuns aos usuários novos e até mesmo aos que são um pouco mais experientes. Daí surgiu a ideia de colocar isso em um texto. Para ampliar a visão, dos nossos atuais e futuros clientes.

Redes Sociais x Site

Essa é uma dúvida crucial. Muitos atribuem as características de forma equivocada ou confundem as suas funções entre si. São duas ferramentas complementares, porém, diferentes.

A Fan Page, diferentemente de um perfil social, é como próprio nome diz, uma página para os fãs. Sendo assim, o primeiro erro é criar um perfil para sua empresa e não uma fan page. O negócio ou marca que age desta forma, corre o risco de ser denunciado e punido pelo Facebook, perdendo tudo que fora construído, além de está deixando de lado inúmeros recursos criados para aprimorar a relação da sua empresa com o marketing digital. Por exemplo, as métricas analíticas que um perfil de usuário não disponibiliza. A páginas para fãs fornece uma série de alternativas para o melhor gerenciamento e relacionamento com os curtidores da sua marca, além de facilitar a dinâmica de forma geral.

A Timeline, também como o próprio nome revela, é a linha do tempo. E ela está contida tanto na página do perfil como na fan page. Na linha do tempo está a sequência das postagens organizadas de forma decrescente ao tempo de inclusão da informação. Quanto mais desce a barra de rolagem do Facebook, Twitter ou Instagram mais antigas são as informações disponíveis. Diferente de um site, a timeline não precisa ter troca ou atualização de conteúdo em substituição aos antigos. No site da sua marca, as informações antigas devem ser alteradas e sempre atualizadas, pois ali, é sua vitrine virtual oficial do que pretende vender nesse momento.

Se o site de um restaurante consta um prato que não é mais servido, essa informação deve ser substituída quanto antes, porém, se o mesmo prato foi postado há 1 ano atrás numa rede sociail e somente hoje ele deixou de ser parte do cardápio, não é preciso excluir a postagem, pois ela tem uma data vinculada e o visitante saberá que aquela é uma informação antiga.

O “pulo do gato” em relação às redes sociais, seja Facebook, Instagram ou Twitter é justamente entender que a timeline que o usuário acessa diariamente em seus aplicativos é composta pelas postagens dos amigos (perfis) e páginas (fan pages) que ele curtiu. E é exatamente nesta linha, que sua marca tem que está presente de forma orgânica, ou seja, pelo algoritmo de distribuição das redes ou por “impulsão”, de forma patrocinada, que facilita atingir o seu target e ter um alcance ainda maior.  

 

Outra dúvida recorrente também tem ligação com a comparação da fan page com o próprio site. Um cliente ou visitante procura informações através da visitação ao site. Já no caso da página de fãs as atualizações são disponibilizadas na linha do tempo dos seguidores - lembre do “pulo do gato”. Não é costume do usuário das redes sociais acessar diariamente a página de uma empresa, mas as postagem alcançam os fãs pela constante atualização. Por isso é muito importante que a fan page seja sempre alimentada e acompanhada.


Entregue as suas redes sociais para quem entende e irá transformar a audiência em resultados específicos de divulgações e vendas.